Seguidores

quarta-feira, 27 de junho de 2012

"Heróis da minha infância"- Segunda BC do Café entre Amigos

Segunda Blogagem Coletiva do Café entre Amigos
http://www.cafeentreamigos.com/


Tema= Heróis da minha infância

Na minha época não tínhamos muito acesso a tv, mas em gibis sem duvida os heróis que povoaram minha infância foram:


Mandrake, o mágico, é um personagem de banda desenhada, criado em 1934 por Lee Falk (também criador do Fantasma)[1]. Falk encarregou o desenhista Phil Davis do desenho de suas histórias. Mandrake era um ilusionista que se valia de uma impossível técnica de hipnose instantânea, aplicada com os olhos e gestos das mãos, e de poderes telepatas. Quando o narrador informava que ele executava seu gesto hipnótico, a arma do vilão se transformava em um buquê de rosas ou numa pomba.
Ambientada nos anos trinta, a história nos mostra Mandrake elegantemente vestido em finos ternos, usando cartola e luvas e uma capa forrada em vermelho. Morando em Xanadú, propriedade fantástica no alto de uma colina, combatia os criminosos usando a hipnose como arma. Sua noiva, a princesa Narda de Cockaigne[3], fictício reino na Europa oriental, e seu companheiro inseparável, Lothar, gigante príncipe africano que abandonou sua tribo para acompanhar o mágico e surrar os bandidos com sua força, eram os personagens mais constantes nas histórias. Lothar, provavelmente, foi o primeiro personagem negro nas histórias em quadrinhos, mesmo que de uma forma caricata, usando roupas de pele e um chapéu típico turco.



Fantasma é um personagem de banda desenhada criado por Lee Falk (também o criador do Mandrake, o mágico), contando as aventuras de um combatente do crime, mascarado e usando uma roupa característica. A série começou a ser publicada em jornais diariamente em 17 de Fevereiro de 1936, e aos domingos, como edição colorida, em Maio de 1939, continuando até os dias actuais (2006). Falk encarregou o desenhista Phil Davis do desenho de suas histórias.
O Fantasma foi o primeiro super-herói a usar um uniforme, característica desse tipo de publicação. Com o tempo, passou a ser publicada em revistas aos quadradinhos, como republicação das tiras dos jornais, e depois com histórias completas originais.
No Brasil, o personagem se tornou muito popular e foi publicado por décadas em revista própria da Rio Gráfica Editora.
O Fantasma carrega ainda duas pistolas calibre. 45 no seu cinturão de couro preto com uma fivela imitando uma caveira, a sua marca recorrente.

Mundo próprio

A sua base é a caverna da caveira, depósito de grandes tesouros e das Cronicas do Fantasma, nas profundas florestas deBangala, um pais fictício, que mistura partes da Índia com características da África. Ele dedica-se a combater os piratas Sigh, sendo também o comandante secreto da Patrulha da Selva, que o ajuda em suas missões. Ao contrário de outros super-heróis, ele não tem superpoderes, apenas grande habilidade física, destreza com armas e agilidade. Na selva, onde mora com ospigmeus Bandar, temidos por suas flechas envenenadas, ele é conhecido como O CaminheiroO Espírito-que-Caminha ou aindaO Espírito-que-Anda, por ter sido visto por gerações de nativos das tribos Longo e Wambesi. Isto se dá por ter sido precedido por vinte gerações anteriores de combatentes do crime. Apenas Guran, o caricato chefe dos pigmeus, e a sua família conhecem a sua real condição de simples mortal.

Adorei fazer esta segunda postagem, esses foram meus heróis de infância.

21 comentários:

*Escritora de Artes* disse...

Oi Patrizia,

Adorei saber quem eram os seus heróis....

Bjos querida amiga

Patricia Galis disse...

Muito legal sua postagem Patrizia foram grandes heróis sem duvida, obrigada por participa e enviar o link já peguei ok.

Rosa Branca disse...

Ótima participação!! Tb estou na BC.

Bjos

Anne Lieri disse...

Patrizia,muito legal relembrar os herois de sua infancia com vc!Muito interessante a pesquisa sobre os herois tb!Bjs e boa quarta!

Jorge disse...

O fantasma era um super herói que eu tbm admirava.

Gabriela Palombo disse...

Muito interessante essas postagem heróis que não tive acesso mas fiquei curiosa em conhecer.

Cozinha de Mulher disse...

Oi Patrízia, o Fantasma eu gostava de assistir na Liga da Justiça.. srrssr
Um beijo e amei a postagem..
Sheila

Maria Eduarda disse...

Legal Patrizia sua postagem ficou otima, heróis super legais.

Kellen Bittencourt disse...

Oii Patrizia, eu não sabia muito da história do Mandrake, hj fiquei por dentro, a Rita tbém postou ele como herói, muito bacana essas lembranças! Bjoooosss

♥ Cristiane Tiago ♥ disse...

Que legal Patrizia, realemente os heróis mais antigos, são os melhores. Gostei de saber quem foram seus heróis na infância...

Augusto Sperchi disse...

Oi Patrizia. Gostei de seu post. Uma tia sempre trazia revistas para minha mãe, pois morávamos no campo. Entre ela havia seus heróis citados. Gostava do Mandrake, do Zorro e do Tarzan, mas eles nunca representaram heróis para mim, mas inspiraram muitas brincadeiras. Um abraço!

Waldir disse...

Muito bom sua postagem ainda são heróis de infância para muitos com certeza gostei.

Tunin disse...

Relembrar esses heróis que tivemos na infância é muito legal. Muito boa a postagem.
Abração.

5n3v35 disse...

Fantasma e Mandrake, ícones. Esses herois são demais. Muito legal.

Brasileira sim Senhor disse...

Olá Patrizia, adorei conhecer um pouco mais de você!!Também tinha preferência por heróis de gibis..como foi bom recordar!!Bjs

Gracita disse...

Oi Patrizia
Que legal poder conhecer um pouco mais sobre você... seus heróis. Realmente foram grandes heróis. Lindo seu post. Muito bem elaborado. Tenha um dia lindo com muita paz.
Um beijinho no coração
Gracita

Rita disse...

Lindos os meus e os seus são os mesmos,com certeza não tinha TV era no Gibis rsrrs mas parabens por ter o mesmo bom gosto
Bjuss

Fofura de Cupcake & Cia disse...

Oi Patrízia.. gostei de ver os seus heróis.. minnha mãe gostava de assistir o Fantasma.
Beijinhos
Talitha

Patrícia Telles disse...

Seguindo... Mais um blog maravilhoso! Grata por compartilhar conosco conteúdos tão bons...

cristiane silva disse...

Olá flor não me lembro desses...kkkkk mas sempre é bom lembrar dos heróis do passado.. os desenhos naquela época eram mais sadios do que hj com certeza... beijão e fica com DEUS ..

J Araújo disse...

Obrigado pelo elogio. Tento fazer o melhor que posso para agradar os leitores que por ventura aportar por aqui. Se quiser ver mais imagens visite o Notas... click em "Meu olhar" tem umas imagens interessantes de minha autoria.

\bj